Categories
Beleza

Varizes na gravidez: Dicas e Tratamentos

A gestação é um período no qual o corpo feminino passa por uma grande variedade de mudanças para gerar aquela nova vida e isso pode ter consequências. Uma delas é o surgimento de varizes!

A primeira coisa que precisa ficar clara é que ter varizes não é uma exclusividade das gestantes, visto que esse é um problema que afeta cerca de 45% das brasileiras.

No entanto, claro, durante a gestação o corpo da mãe produz mais sangue e acaba suportando um peso maior e isso pode acabar comprimindo mais os vasos sanguíneos.

O resultado disso? Aparecimento de varizes!

No entanto, a informações é a melhor arma e é por isso que vamos falar sobre o assunto a seguir.

Entendendo as varizes

As varizes nada mais são do que vasos dilatados que se deformam. Apesar de que podem acontecer com qualquer pessoa e em qualquer parte do corpo, eles são mais comuns nas mulheres na região das pernas e pés.

Para ficar mais claro, saiba que os vasos das pernas são os que fazem o sangue voltar ao coração e é por isso que possuem válvulas que servem para evitar que a gravidade faça o sangue voltar para os pés.

Quando alguma dessas válvulas não funciona corretamente, o sangue se acumula e faz com que o vaso se deforme no local.

Como prevenir varizes na gravidez?

Não há um remédio ou receita mágica que faça com que as varizes não se desenvolvam. No entanto, existem dicas excelentes que podem ajudar muito a evitar esse problema na gestação, veja:

Uma das melhores dicas é fazer uso de algum creme, e o varizero é o melhor creme que tem no mercado para combater as varizes.

  • Evitando o sobrepeso

É comum que o peso corporal aumente durante a gestação, afinal, há um novo ser se formando ali. No entanto, é essencial evitar que esse aumento seja excessivo, principalmente durante o terceiro trimestre, que é quando o organismo já está um tanto sobrecarregado.

  • Sentou? Não cruze as pernas

Ao cruzar as pernas você irá aumentar ainda mais a compressão dos vasos, dificultando a circulação sanguínea, portanto, evite!

  • Eleve as pernas quando possível

Ao fim de um dia de trabalho ou durante o sono, a dica é elevar as pernas para facilitar o retorno do sangue, diminuindo o inchaço e beneficiando a circulação.

  • Massageie as penas e pés

Além de ser muito relaxante, a massagem ajuda a descomprimir os vasos estimular a circulação sanguínea!

  • Descanso para pés

Se o seu trabalho é sentada, é essencial que você tenha um descanso para os pés, que evitara que as pernas fiquem penduradas, evitando também a compressão da parte posterior das coxas que pode ser prejudicial.

Mais do que isso, mantenha uma vida ativa e aproveite cada minuto da gestação!

Categories
Entretenimento

Como Fazer Dois Truques de Mágica Simples

Eu podia ver o leão de ouro antes mesmo de meu táxi parar: a crina que fluía, as presas de um metro e meio de comprimento – músculos das pernas atados, prontos para atacar. Era como se ele estivesse me provocando para entrar no prédio de 30 andares que ele estava protegendo tão agressivamente: um cassino enorme.

Era agosto de 2017, e o leão era uma estátua do lado de fora do MGM Grand em Las Vegas. Eu estava na cidade de Sin for Magic Live, a maior convenção de mágicos dos Estados Unidos. Mas essa viagem não foi apenas uma brincadeira. Eu estava lá para filmar um truque de mágica que havia inventado, que seria vendido a outros mágicos por meio de uma importante loja on-line.

Os dois anos que antecederam esse evento foram sensacionais, quase impossíveis de acreditar: entrei no mundo subterrâneo da magia, tornei-me amigo dos jovens mágicos mais influentes do mundo e acabei me tornando um mágico. Peguei cotovelos com David Blaine e Penn Jillette, e até tive a oportunidade de fazer mágica para o falecido Anthony Bourdain.

Você pode aprender como fazer outras coisas no site: https://saibacomofazer.com/

Fazer uma moeda desaparecer

Então, eu só vou pegar uma dessas moedas, vamos ver se podemos fazer algo interessante com ela. Pronto, assista isso. Um dois três. Você pode ver que a moeda passou diretamente pela mesa. Deixe-me mostrar como é feito.

Então você pode executá-lo em casa com seus amigos. Então vamos fazer isso. Então, um truque de moedas. Super simples, mas uma premissa incrivelmente forte. Portanto, a primeira decepção é como você pega a moeda. Coloque a moeda na mesa.

E então, ao pegá-lo, arraste-o para a borda da mesa e deixe a moeda cair no seu colo. Mas o movimento da sua mão continua como se você tivesse pegado a moeda. Deslize, mostre a moeda. Mas a moeda, obviamente, ainda está no seu colo.

E você diz algo como vamos tentar algo interessante. Sua mão esquerda ainda visível, obviamente vazia, quando você se encontra embaixo da mesa, rapidamente pega a moeda. Você vem aqui para preparar a ilusão. O segundo engano é auditivo.

Você vai justificar que a moeda ainda está na sua mão direita tocando na mesa. Mas, ao mesmo tempo, você também está tocando por baixo com a mão esquerda. E o resto é um pouco de talento performativo. Uma pequena contagem regressiva, talvez, se você quiser. 1, 2, 3. E a moeda, magicamente, atravessa a mesa.

Minha viagem a Las Vegas foi um sucesso, e o truque já está disponível online , onde você pode pagar para aprender como é feito. Mas como eu, o jornalista aleatório que tropeçou neste mundo, passei a entender os segredos dos mágicos? Os mágicos não nascem com suas habilidades?

Não. O segredo – ou método, em linguagem mágica – por trás de um truque é normalmente bastante simples, mas é o talento performativo e a execução magistral do mago que o fazem ganhar vida.

Enganar-se como desempenho, no entanto, não é apenas destreza dos dedos ou uma engenhoca inteligentemente projetada. A magia ganha vida quando é compartilhada entre duas pessoas; destina-se a construir uma conexão entre artista e espectador.

Além disso, o objetivo de um mago não é apenas criar uma fantasia para o público, mas curvar, distorcer ou quebrar seu senso de realidade objetiva . Isso é uma coisa poderosa.

E quando isso acontece, um elemento profundo de confiança é instilado no mago.

A mágica mostra o que é possível no mundo, e o espectador espera que um mágico os leve a uma jornada que eles não podem obter em nenhum outro lugar. Mas, claro, todos sabemos que é apenas um truque, que existe alguma duplicidade. Mas essa ruptura da realidade é cativante. É algo que não conseguimos encontrar em nenhum outro lugar.

Magia não é apenas truques tolos de cartas; é a arte do engano – algo totalmente único em sua experiência, um encontro tão profundo que não podemos deixar de carregá-lo conosco por um tempo. O momento de espanto, por mais fugaz que seja, torna-se um vinco em seu coração.

Categories
saude

TPM: Causas e Fatores de Risco

Para quem não sabe, TPM é a abreviação de Tensão Pré-Menstrual, que são sensações, sintomas, que costumam surgir em algumas mulheres, na verdade, segundo o Ministério da Saúde, atinge mais de 70% das mulheres brasileiras, cerca de 10 dias antes do início do ciclo menstrual.

Mas, mesmo sendo algo muito comum, nem todas as mulheres sofrem com TPM, e em quem sofre, ela pode aparecer em diferentes graus sendo, muitas vezes, necessário procurar ajuda médica.

Ciclo menstrual

Para entender a TPM é preciso, primeiramente, saber como funciona o ciclo menstrual.

Por cerca de 28 dias, o corpo da mulher passa por muitas alterações as quais preparam o útero para receber um bebê. Nos primeiros 14 dias acontece o período de ovulação, quando se elevam os níveis de estrógeno, um dos hormônios responsáveis pelo bem-estar.

Já, nos 14 a 16 dias seguintes é quando começa a engrossar a parede do útero, ocorrendo uma grande queda nos níveis de estrógeno, por outro lado, se elevando as taxas de progesterona.

E é justamente, essa alteração, quando muito brusca, que acaba causando uma série de sintomas, desde dores de cabeça, ansiedade, alterações do humor, dores nos seios e etc.

Então, após esses 14 dias, o endométrio – parede que recobre o útero – começa a descamar, sendo eliminado na forma de menstruação, gerando uma outra grande queda hormonal, mas agora, de progesterona e estrógeno, esses dois hormônios sofrem uma tamanha queda, chegando a praticamente zero durante a menstruação.

E é isso, essa queda gradativa do estrogênio é que provoca os sintomas típicos da TPM e em algumas mais ainda.

Mas para aliviar esses sintomas é recomendado usar o Laisvè que é um suplemento 100% natural que ajuda no alivio dos sintomas da TPM.

Causa da TPM

Hormônios: Como já foi visto, o sobe e desce hormonal é o grande responsável pela TPM, cujos sintomas podem aparecer antes e durante a menstruação, causados, justamente, pela queda brusca dos níveis de estrógeno e progesterona.

Serotonina: alguns sintomas neuropsíquicos podem ser explicados pela queda nos níveis de serotonina (substância produzida pelas células nervosas que atua diretamente no humor), os quais quando estão altos, provocam a sensação de alegria e disposição. Porém, os hormônios femininos, no período pré-menstrual, interferem na produção dessa substância podendo causar depressão, irritabilidade e mau humor.

Vale saber que , por essa baixa na serotonina, muitas mulheres, durante a TPM, acabam querendo compensar sua falta, causando a compulsão por doces, já que o açúcar libera endorfina, uma outra substância produzida no organismo que transmite a sensação de bem estar.

Fatores de risco

Muitos podem ser os fatores de risco da temida TPM, tais como:

  • Ansiedade, depressão ou outros problemas de saúde mental
  • Cafeína: alta ingestão de cafeína
  • Dieta: falta de vitamina B6, cálcio, ou magnésio
  • Estresse
  • Histórico familiar de TPM
  • Idade, sendo que os sintomas ficam mais comuns com o envelhecimento
  • Sedentarismo

Lembrando que se os sintomas da TPM começarem a interferir em sua rotina, ou mesmo, em seus relacionamentos, a recomendação é procurar ajuda médica.

Categories
Beleza

O que deve saber antes de operar as varizes

Sofre com varizes e foi recomendada uma cirurgia? Então, confira aqui o que deve saber antes de se submeter a uma cirurgia de varizes.

Existem vários graus de varizes, algumas podem ser tratadas e até sumirem após alguns tratamentos, outras, porém, a cirurgia é a única forma de tratá-las.

Vale ter em mente que, muito mais do que apenas um problema estético, em alguns casos, as varizes representam um enorme risco para a saúde.

Ao retirar as veias doentes, está se eliminando os sintomas provocados pela condição, tais como dor, inchaço, sensação de peso nas pernas, cãibras e formigamento, e se investindo em uma melhor qualidade de vida.

É preciso considerar, no entanto, que mesmo extraindo o vaso já comprometido, para que não prejudique o bom funcionamento da circulação sanguínea, isso não impede que o problema reapareça ao longo do tempo.

Ou seja, a cirurgia não é garantia de eliminar o problema de forma definitiva.

Dúvidas mais comuns de quem vai operar as varizes:

A cirurgia é sempre recomendada?

Enquanto alguns cirurgiões vasculares preferem retirar logo e eliminar o problema o quanto antes com a cirurgia, outros preferem primeiro realizar um tratamento clínico e indicar a cirurgia somente depois, se considerar que o tratamento não surtiu resultado.

Porém, há casos em que as varizes estão comprometendo muito a qualidade de vida dos pacientes, ou mesmo, causando riscos de progredirem para algo ainda mais sério, aí, então, a cirurgia é a única opção de tratamento.

 Cirurgia de varizes deixa cicatrizes?

Não, ou melhor, elas são praticamente imperceptíveis, pois as incisões realizadas na pele para tratar as veias doentes são muito pequenas. No entanto, em alguns casos, embora sejam muito raros, podem ocorrer queloides ou cicatrizes hipertróficas.

É preciso algum preparo ou cuidado pré-operatório?  

O médico que fará a cirurgia, geralmente, recomenda os cuidados que devem ser obedecidos, geralmente, um jejum, inclusive de água, oito horas antes da cirurgia.

É importante informar ao médico sobre qualquer medicamento em uso.

Como é o pós- operatório?

É indicado que, logo após a cirurgia, o paciente permanecer em repouso na sala de recuperação anestésica por cerca duas horas. Após esse período, é preciso seguir  alguns cuidados pós-operatórios no quarto do hospital. Já, a primeira refeição é liberada após o efeito da anestesia passar completamente.

Alguns médicos permitem, dependendo do caso, que no mesmo dia da cirurgia, os pacientes possam realizar pequenos deslocamentos, dentro do próprio quarto.

Porém, é recomendado que os pacientes mantenham suas pernas elevadas.

E ainda por um tempo, não será indicado sentar ou permanecer em pé, durante longos períodos, sem se mexer.

O paciente pode retornar para casa no mesmo dia e, dependendo do tipo de cirurgia, é indicado que continue mantendo repouso por cerca de cinco a sete dias.

Qualquer pessoa pode fazer essa cirurgia?

Na verdade, para pessoas muito idosas e que tenham algum problema de saúde, como problemas cardíacos e pulmonares, a cirurgia de varizes não é indicada.

É possível substituir a cirurgia por outro tratamento?

Como cada caso é um caso, só um profissional capacitado poderá avaliar se a cirurgia pode ser substituída por algum outro tratamento, principalmente, quando, por um motivo ou outro, a cirurgia não for uma alternativa.

A crioescleroterapia, a escleroterapia convencional e a com espuma densa, e o laser são algumas opções a considerar.

Mas se o seu caso for somente dor causada pelas varizes, é bom saber que o varigold funciona muito bem para aliviar essas dores e inchaços, então é super importante conversar com seu médico e ver o que é melhor para você.

 

Categories
saude

Como emagrecer durante a gravidez

Está grávida e quer saber como emagrecer com saúde nessa fase tão especial da vida de uma mulher? Então, continue lendo.

É comum muita gente ainda achar que uma mulher grávida precisa comer por dois, na verdade, ela só precisa se alimentar adequadamente, de forma saudável e equilibrada.

Excesso de peso durante a gravidez pode trazer uma série de riscos durante a gravidez, como uma chance maior de desenvolver hipertensão, diabetes e de ter um bebê com problemas de peso ao nascimento e ao longo da vida.

Portanto, procurar ficar dentro do peso adequado na gravidez vai muito além de uma preocupação estética, é fundamental para garantir o bem-estar da mãe até a hora do parto.

Assim, caso a mulher esteja engordando mais do que o recomendado, ou já apresentar um estado de obesidade, precisa começar a emagrecer para evitar complicações.

Vale saber que o esperado, portanto, é que ela ganhe de 11 a 16kg durante os nove meses de gravidez, passando disso, já é considerado perigoso.

Por que emagrecer durante a gravidez

Por tudo que foi visto, desde que sejam seguidas as devidas orientações do profissional especializado,  é até saudável procurar emagrecer durante a gravidez, para ficar no peso adequado, garantindo uma gestação tranquila e um parto seguro.

Afinal, emagrecer durante a gestação é uma forma de evitar riscos ao feto. Lembrando que o sobrepeso, ou obesidade, em gestantes, podem levá-las a desenvolver a diabetes gestacional, a qual pode até afetar o desenvolvimento do embrião.

Leia também: Sibulmax Funciona

No entanto, claro, gestantes não devem adotar dietas restritivas, apenas investirem em uma reeducação alimentar, exercícios físicos específicos, que são sempre bem-vindos ao longo de qualquer gravidez.

Outro fato a considerar é que, emagrecer não só ajuda a gestante a reduzir o risco de diabetes, como a controlar a pressão, evitando a hipertensão arterial, que é uma das principais causas da pré-eclampsia.

Dicas para emagrecer durante a gravidez

  • Investir em Nutricionista: converse com seu médico e peça que lhe indique uma boa nutricionista, que irá montar uma dieta totalmente personalizada;
  • Ter uma alimentação equilibrada: caso seja preciso, vale investir em programas como Vigilantes do Peso, considerados eficazes, por se tratar de uma dieta baseada em uma alimentação equilibrada, sem nenhuma restrição alimentar;
  • Apostar na Hidroginástica: é a modalidade de exercícios mais indicada pelos médicos, justamente, por serem exercícios aeróbicos – que trabalha o sistema cardíaco – refrescantes, e ainda conseguirem emagrecer sem riscos de lesões ou impactos maiores, e também com a vantagem da gestante proteger a barriga dentro d’água;
  • Controlar o desejo:nem o famoso desejo de grávida sobrevive aos lanches de três em três horas, mas, claro, a dica é ter sempre uma fruta ou alimentos integrais à mão, como queijo magros, castanhas, passas…

Grávidas que não conseguem emagrecer

Se para mulheres que não estão grávidas já é difícil emagrecer, imagina para uma grávida, que não pode se submeter a dietas radicais, exercícios pesados, restrições alimentares… por isso, não é tão fácil grávidas se submeterem a um regime.

E nem é preciso lembrar que nessa fase com todo o turbilhão de mudanças hormonais, as mulheres ficam mais sensíveis e nem todas conseguem lidar muito bem com algumas mudanças no seu corpo.

Por isso, a dica é não se submeter e nenhuma dieta radical, sempre conversar com seu médico que saberá indicar sempre o melhor caminho para o bem estar nessa fase, não só da mãe, mas do bebê também.

No mais, mamães, essa fase passa, e vai deixar saudades e, com certeza… é só não exagerar, comer equilibradamente que o corpo, em pouco tempo, voltará ao normal.

 

Categories
saude

Impotência por cigarro tem cura

Que o tabagismo não faz bem para a saúde, todos já sabem, não é mesmo?! As próprias embalagens do cigarro vêm com avisos a respeito dos males que ele pode causar para a saúde.

Os principais deles são doenças cardiovasculares, incluindo infartos, câncer da laringe, câncer de pulmão e câncer na boca, que são os mais comuns.

No entanto o que muita gente ainda ignora são os efeitos do cigarro sobre o desempenho sexual e o fato de que ele pode acabar causando impotência. Nos homens, pode ocorrer um aumento de até 85% do risco de impotência por causa do tabagismo.

Mais do que isso, os efeitos prejudiciais do cigarro não interferem apenas na fertilidade masculina, mas também podem adiar a possibilidade de uma gestação. Segundo especialistas, a impotência pode ser confundida com a infertilidade, o que é um erro, mas não é incomum, visto que é um assunto rodeado por tabus, preconceitos e medos.

Diferença de infertilidade e impotência sexual

A infertilidade masculina nada mais é do que a incapacidade de gerar filhos que é constatada depois de um ano de relações sexuais frequentes e sem uso de quaisquer métodos contraceptivos. No entanto, mesmo não sendo possível gerar um filho, as funções sexuais não são comprometidas.

Já a impotência sexual, também chamada de disfunção erétil, e quando o homem não consegue manter relações sexuais por incapacidade de ter ou sustentar uma ereção satisfatória para penetração, neste caso dá pra resolver com V8 Big Size ou outros tratamentos naturais e não invasivos.

A estimativa é de que 10% da população masculina e adulta do mundo esteja sofrendo com algum grau de impotência sexual. Somente no Brasil a estimativa é de que o problema afete cerca de 6 milhões de homens.

Para se seja caracterizado um quadro de impotência, no entanto, a falha na ereção deve acontecer em, pelo menos, 50% das tentativas de contato sexual. É importante ressaltar isso porque falhar de vez em quando é normal e não deve ser considerado um problema.

Impotência sexual por cigarro tem cura?

A impotência sexual é um problema que pode estar relacionado com uma grande variedade de causas e o tratamento inclui, obrigatoriamente, descobri-la.

Dentre elas, podemos considerar o tabagismo, que também dificulta a circulação do sangue, mas vai depender do tempo de uso, da quantidade de cigarros por dia e outros detalhes.

O fato é que sim, a impotência tem cura, mas ela depende mesmo é de um diagnóstico correto e análise dos melhores recursos para determinar o tratamento.

Categories
Beleza

Como Prevenir e Tratar as Varizes Durante a Gravidez

Quer saber como prevenir e tratar as varizes durante a gravidez? Então, continue lendo esse artigo.

Infelizmente, além de tantos outros desconfortos, durante a gravidez, é muito comum a futura mamãe ainda precisa lidar com o surgimento de varizes, que aparecem por vários fatores, desde hormonais, excesso de peso, pressão do útero, predisposição genética…

Mas, a boa notícia é que tem como prevenir e até mesmo, se não tiver como evitar o problema, tratar, e é o que mostraremos agora.

 

Como prevenir as varizes na gravidez?

Embora não exista ainda algum remédio que possa prevenir o surgimento das varizes durante a gravidez, já que a própria gestação favorece o aparecimento delas, é possível, SIM, tomar algumas medidas para, ao menos, conseguir amenizar o transtorno causado pelas varizes e ainda evitar complicações.

Evite o sobrepeso

É preciso esquecer aquela máxima de que toda grávida precisa comer por dois, na verdade, ela só precisa comer bem, e de forma equilibrada.

Na verdade, o ganho excessivo de peso, além de favorecer o aparecimento de varizes, ainda pode ser a porta aberta para um monte de problemas, até mais preocupantes.

Evite cruzar as pernas quando estiver sentada

Ao cruzar as pernas, sentada, irá pressionar ainda mais as veias e isso pode dificultar a circulação sanguínea, e ainda comprometer a postura, causando dores nas costas.

Procure elevar as pernas sempre que possível

Procure manter as pernas elevadas sempre que possível e, principalmente, ao final do dia e durante o sono, isso irá ajudar o retorno venoso, reduzindo a ação da gravidade sobre as veias, facilitando a circulação sanguínea.

Aposte em massagens nos pés e nas pernas

Quem não gosta de receber massagens nos pés e nas pernas? E quando se está grávida, elas além de ajudarem a relaxar, também descomprime os vasos, favorecendo a circulação e diminuindo o inchaço.

E se você fizer massagens juntamente com uso do varigold que é um creme para aliviar as dores e inchaços causados pelas varizes os resultados serão incríveis, saiba onde comprar varigold e aproveite o máximo desse creme para varizes.

Descanse os pés

Se a grávida trabalhar sentada, utilizar um banquinho ou um apoio para elevar os pés irá ajudar na circulação sanguínea.

Exercite os tornozelos

Procure, a cada 30 minutos que ficar sentada, girar os tornozelos em sentido horário e anti-horário, isso irá ajudar a circular melhor o sangue.

Levante-se toda hora

Procure, a cada hora de trabalho sentada, levantar-se e fazer uma pequena caminhada até o banheiro ou para beber água, é um gesto simples mas que ajudará a circulação.

Pratique atividades físicas leves

Para ajudar a fortalecer as veias e o sistema cardiovascular vale apostar em atividades físicas como caminhadas, ioga, pilates e hidroginástica, que são as atividades mais recomendadas para gestantes.

Use meias elásticas

Procure seu médico para que ele possa indicar a meia de compressão mais adequada para você, já que existem diferentes modelos e graus de compressão, e o uso errado pode agravar seu problema.

Procure se deitar do lado esquerdo do corpo

Como a veia cava inferior fica do lado direito do corpo, se você se deitar do lado direito, o útero irá pressionas essa veia, aumentando a pressão nas veias das pernas.

Por isso, a dica é se deitar do lado esquerdo, colocando um travesseiro na extremidade dos pés, mantendo-os mais elevados, facilitando ainda mais a circulação.

Como tratar as varizes na gravidez?

 Embora não seja possível realizar os tratamentos convencionais para as varizes durante a gravidez, como, por exemplo, cirurgias e aplicações, é possível reduzir os desconfortos com as medidas de prevenção acima citadas.Mas, também é possível amenizar as dores causadas pelas varizes adotando as seguintes medidas:
  • Durante o banho, procurar alternar água fria e quente sobre as pernas;
  • Investir em compressas de gelo sobre as veias dilatadas, isso ajudará a contraí-las e ainda a reduzir as dores.

Embora após a gravidez as veias não voltem totalmente à espessura que tinham, pelos menos, as varizes desenvolvidas tendem a melhorar após três meses a um ano do nascimento do bebê, mas, vale prestar atenção e , se for preciso, investir em um tratamento.

Categories
saude

Que exames são feitos para investigar o câncer de próstata?

Você se cuida? Vai regularmente ao médico? Confira abaixo que exames deve fazer para investigar o câncer de próstata.

Infelizmente, em sua fase inicial, o câncer de próstata tem evolução silenciosa, ou seja, não apresenta sintomas, nem sinais.

Porém, em alguns casos, surgem sintomas, que são semelhantes aos do crescimento benigno da próstata, que são dificuldade de urinar e a necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou a noite.

Já, quando o câncer de próstata é descoberto em uma fase mais avançada, pode provocar dor óssea, até mesmo, infecção generalizada ou insuficiência renal.

Diagnóstico do câncer de próstata

O diagnóstico é feito após o exame clínico (toque retal) combinado com o resultado da dosagem do antígeno prostático específico (PSA) no sangue.

Quanto à exames de rastreamento, há uma grande controvérsia sobre a partir de qual idade isso é recomendável.

De uma forma geral, este tipo de exame é indicado após os 40-50, principalmente, para quem tem histórico familiar da doença.

Ultimamente, a Ressonância Magnética multiparamétrica (RMmp) vem assumindo um importante papel como estratégia complementar de rastreamento de tumores prostáticos, justamente, para evitar biópsias desnecessárias em pacientes com pouco risco de tumor.

Mas, se a RMmp identificar lesões suspeitas, então, nesse caso, é indicado realizar a biópsia prostática com fusão de imagem, alcançando resultados bem melhores que a biópsia padrão, no diagnóstico de tumores mais agressivos.

​Já para o diagnóstico conclusivo do câncer, é realizado com o estudo histopatológico do tecido obtido pela biópsia da próstata.

Tratamento de câncer de próstata

Para um câncer localizado, podem ser indicados a cirurgia e radioterapia, e no caso da doença localmente avançada, radioterapia ou cirurgia em combinação com tratamento hormonal é o que geralmente é utilizado.

Já, no caso da doença ter se espalhado para outras partes do corpo, ou seja, ser metastática, o tratamento inicial é a terapia hormonal.

Ultimamente, novos tratamentos à base de hormônios, assim como diferentes  quimioterapias foram desenvolvidas, e seja como for, a escolha do tratamento mais adequado deve ser individualizada e definida só após paciente/médico discutirem possíveis riscos e benefícios do tratamento.

Prevenção do câncer de próstata

Adotar uma alimentação equilibrada serve e fazer o uso do suplemento natural cura prost, não só para preveni o câncer de próstata, como tantas outras doenças.

Por isso, vale investir em uma dieta com menos gordura, principalmente, as de origem animal e, por outro lado, rica em frutas, legumes, verduras, grãos e cereais integrais.

E vale apostar também em determinados hábitos saudáveis, como  praticar diariamente atividades físicas, manter o peso adequado à altura, não fumar e diminuir o consumo de álcool.

Como a idade é um fator de risco importante para o câncer de próstata, é fundamental realizar os exames regularmente após os 50 anos e, no caso de histórico familiar, após os 40 já é preciso começar a se preocupar.

Categories
saude

Como ganhar massa muscular

Treinamento, Nutrição, Descanso e Recuperação
Estes são os quatro fatores que devem ser levados em consideração para aumentar sua massa muscular.

Treinamos, comemos, dormimos, nos recuperamos e crescemos. O discurso é simples.

Mas então como é possível que toda semana seja publicado um novo artigo no qual personagens mais ou menos qualificados ilustrem suas técnicas secretas para aumentar a definição e os músculos?

Talvez porque aumentar sua massa muscular não seja tão fácil? Definitivamente.

Talvez porque um negócio muito lucrativo gira em torno dessa dificuldade? Definitivamente.

Intensidade de treinamento, número de séries e repetições
Vamos dar um exemplo pesado e relatar um recurso desta técnica:

Mentezer sustenta que um atleta natural deve se concentrar em mono-séries prolongadas até a exaustão total do músculo. Somente assim pode ocorrer um aumento da massa muscular

Vamos agora considerar o método Weider com um pensamento de Arnold Shwarzeneggher:

Arnold sustenta que a diferença que distingue um campeão de um perdedor está na capacidade de superar o cansaço dos últimos representantes, para ir além, esse é um dos segredos para aumentar a massa muscular.

Qual é o princípio fisiológico comum que torna ambas as teorias válidas?

Para aumentar a massa muscular, o treinamento se torna eficaz apenas se o número de unidades motoras esgotadas for consistente. Não importa o número de repetições ou séries realizadas, o importante é alcançar a exaustão muscular. Nesse ponto, o único parâmetro importante se torna a experiência e a determinação do atleta.

Para confirmar isso, relatamos um pensamento das oito vezes Mr. Olympia Ronnie Coleman sobre o número de repetições ideal para estimular o crescimento muscular máximo

“Você pode contar o que quiser, mas não conte com as contas para desenvolver seus músculos ao máximo . Há quem continue produzindo dados para mostrar que uma certa faixa de repetições ou número de série ou ciclo de treinamento ou outro representa a solução ideal Na verdade, o parâmetro para avaliar a eficácia do treinamento é o bombeamento criado nos músculos estimulados, sempre ouço comentários sobre as cargas, o alto número de repetições e os exercícios que uso, mas ninguém parece entender que todos os meus A escolha é ditada pela necessidade de produzir uma certa sensação nos músculos. Não enfrento o treinamento com a obsessão de levantar uma certa carga ou completar um determinado número de repetições.. Meu objetivo é usar as cargas, o número de repetições e séries necessárias para bombear completamente o grupo muscular treinado completamente.
A descoberta da taxa de carga ideal e repetições para obter esse resultado não é nada fácil e requer muita experimentação “Retirado do flex online

Poder e Integração
Outro ponto fundamental.

Para garantir o máximo desenvolvimento muscular, os músculos devem receber todos os nutrientes necessários para crescer.

Os alimentos consistem, em diferentes graus, de macro e micronutrientes. A primeira categoria inclui carboidratos, gorduras e proteínas, enquanto na segunda categoria existem minerais e vitaminas aos quais adicionamos água para completar.

aumento da massa muscular
É sabido que não existem alimentos mágicos ou completos. Nenhum alimento por si só pode fornecer todos os nutrientes nas proporções certas, portanto, uma das primeiras dicas dadas é seguir uma dieta variada. O segundo ponto diz respeito ao conceito de “equilíbrio”, a capacidade, ou seja, de levar todos os nutrientes nas proporções certas. E é justamente nesse ponto que os debates começam.

Quantos gramas de proteína por kg eles servem por dia? 1g, 1,5g, 2g, 2,5g ?! A resposta? Não pode ser que … depende! E do que isso depende? Desde o tipo de treinamento, a porcentagem de massa gorda , a capacidade do corpo de absorvê-las, a recuperação, o equilíbrio hormonal, o tipo de proteína ingerida, o estilo de vida, a forma de ingestão, a presença de outros alimentos na refeição que favorecem sua absorção e quem tem mais.

Mas então ?!

Então esqueça todas essas modas alimentares, evite calibrar sua dieta com uma tipóia, tomando 10 tipos diferentes de suplementos por dia e criando uma cultura alimentar saudável:

ler os rótulos dos bares , você está realmente convencido de que o xarope de glicose e gorduras vegetais hidrogenadas são realmente ideal para aumentar sua massa muscular?

Coma bresaola , pois contém muita proteína e baixo teor de gordura, certo, perfeito, excelente escolha! E os nitritos onde os colocamos?

E o atum natural, o que dizer, 26 gramas de proteína em 100 não são poucos! E o mercúrio onde a colocamos ??!

Argumento semelhante para os resíduos hormonais que podem ser encontrados na carne

E ir com alimentos integrais , têm um índice glicêmico baixo, ideal para crescer sem engordar! E os resíduos que se acumulam na parte exterior do grão que normalmente é eliminado, mas em todo o grão é moído onde colocá-los?

Você já pensou que um excesso de nutrientes poderia impedir o crescimento tanto quanto um defeito?

Não será esse complemento das propriedades mais divulgadas que o farão crescer tanto quanto não será aquela fatia de bolo que o transformará em uma pilha de banha ! É o todo que conta, o sutil equilíbrio entre nutrição, integração, descanso e treinamento de recuperação.